Associação Humanitária de

Bombeiros Voluntários Madeirenses

 

Procurar:

OS QUE AVANÇAM...

QUANDO TODOS FOGEM.

 

  HOME

ASSOCIAÇÃO

INFORMAÇÃO

CONSELHOS ÚTEIS

CONTACTOS ÚTEIS

 
 

Simbologia

 

BOMBEIROS    VOLUNTÁRIOS

Fénix

É um pássaro da mitologia grega que, quando morria, entrava em auto-combustão e passado algum tempo, renascia das próprias cinzas. Outra característica da Fénix é sua força que a faz transportar em voo cargas muito pesadas, havendo lendas nas quais chega a carregar elefantes. Podendo se transformar em uma ave de fogo.

Teria penas brilhantes, douradas, e vermelho-arroxeadas, e seria do mesmo tamanho ou maior do que uma águia. Segundo alguns escritores gregos, a Fénix vivia exactamente quinhentos anos. Outros acreditavam que seu ciclo de vida era de 97.200 anos. No final de cada ciclo de vida, a Fénix queimava-se numa pira funerária. A vida longa da fénix e o seu dramático renascimento das próprias cinzas transformaram-na em símbolo da imortalidade e do renascimento espiritual.

 

Brasão de armas da cidade do Funchal

O brasão de armas é assim constituído de verde, com cinco pães de açúcar, de ouro, realçados em espiral e com base de púrpura, postos em cruz, acantonados por quatro cachos de uvas de ouro, sustidos e folhados do mesmo metal, cada cacho carregado por uma quina de azul, carregada com cinco besantes de prata de cinco torres

 

 

 

Todos os direitos reservados Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários Madeirenses ® 2011
Todas as imagens reproduzidas no site, são propriedade da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários Madeirenses